Análise – Asus ROG Phone 8 Pro Edition

Análise – Asus ROG Phone 8 Pro Edition

42 Visualizações
0

Ultimamente tenho andado a testar mais um Smartphone, e desta vez foi o Asus ROG 8 Pro Edition. Vê o que achei.

Especificações:

Ecrã: AMOLED 6,78 polegadas, 1080 x 2448, 165 Hz
Processador: Qualcomm Snapdragon 8 Gen 3
RAM: 24 GB
Armazenamento: 1 TB
Câmaras: 50 MP, 32 MP (telefoto), 13 MP (ultrawide), frontal 32 MP
Áudio: Altifalantes estéreo duplos
Bateria: 5500 mAh
Dimensões: 163,8 x 76,8 x 8,9 mm
Peso: 225 gr

Unboxing

A ASUS tem sempre surpreendido com as caixas dos seus smartphones ASUS ROG e claro que ainda não perdeu o jeito.

caixa rog phone 8 pro

Ao abrires a caixa, vais encontrar o Smartphone (lógico), o carregador, uma capa e uma ventoinha a AeroActive Cooler X. Mas o melhor, é veres o vídeo de Unboxing da ASUS.

Agora, vamos ao que interessa.

Design e construção

Começando pelo design, o Asus ROG Phone 8 Pro Edition só está disponível em Phantom Black, e esta é definitivamente a mudança mais notável com o ROG Phone topo de gama deste ano.

Conta ainda com os habituais gatilhos de ar esquerdo e direito, para além dos botões do volume e power.

Na parte inferior encontra-se uma porta USB Tipo C, um tabuleiro duplo para cartões nano SIM que não inclui uma ranhura dedicada para armazenamento expansível, uma grelha para altifalantes que aloja 1 dos 2 altifalantes estéreo e uma tomada de áudio de 3,5 mm.

No lado esquerdo encontra-se outra porta Type-C que os utilizadores também podem utilizar para carregamento e transferência de dados. Mas também se destina a acessórios como o AeroActive Cooler X que acompanha a nossa unidade.

À primeira vista, o painel traseiro parece definitivamente diferente dos seus antecessores, mas não é uma mudança completa, pois ainda mantemos a marca habitual do ROG Phone aqui e ali.

Temos alguns textos brilhantes como “Dare to Win” (Atreva-se a ganhar), “GLHF” (Boa sorte, divirta-se), “Est 2006” e a marca ROG no módulo da câmara e no canto inferior esquerdo.

asus rog phone 8 pro traseira

A saliência da câmara também é mais fina. Na parte de trás, o ROG 8 Pro Edition também continua a ter o AniMe Vision, agora com iteração pontilhada.

Temos uma série de opções predefinidas personalizáveis às quais o ecrã pontilhado reage, para receber chamadas e notificações, jogar jogos, reproduzir música e até surge um temporizador de contagem decrescente para tirar fotografias.

O painel traseiro é um painel Gorilla Glass antirreflexo, com uma fenda diagonal que faz lembrar os modelos Zephyrus 2024

Embora o design continue a ser inconfundivelmente ROG, a ASUS conseguiu reduzir ainda mais as molduras. E o ROG 8 Pro é visivelmente mais fino do que o ROG Phone 7 Ultimate, por exemplo.

Ecrã

Passando para o belo ecrã FHD+ LTPO AMOLED de 6,78 polegadas (resolução 1080 x 2400), a ASUS confirmou que é um ecrã flexível fornecido pela Samsung e apresenta uma taxa de atualização de 165 Hz, tal como no ano passado.

E vai até 2.500 nits de brilho máximo, tornando a visualização sob luz solar direta descomplicada, e é um festim visual com suporte HDR10.

Para proteção do ecrã, temos uma camada de Corning Gorilla Glass Victus 2, que está classificada para quedas de até 1,5 metros.

Som

Para o desempenho auditivo, o Asus ROG Phone 8 Pro Edition possui altifalantes estéreo duplos. Os altifalantes encontram-se na grelha  inferior e na grelha do auricular na moldura superior.

E, honestamente, são bastante bons! O palco sonoro é agradável e equilibrado, com uma separação evidente para um smartphone. Os utilizadores finais não vão precisar de aumentar o volume ao máximo quando estiverem a ver séries ou filmes no escuro.

No geral, aqueles que estão a pensar em comprar o dispositivo devem ficar satisfeitos com ele para a sua utilização de ecrã misto.

Biometria

Para a biometria no ecrã, o ROG Phone 8 Pro Edition apresenta uma da variedade ótica e é muito precisa desde o início. Os utilizadores podem até personalizar a animação e o estilo do indicador nas configurações.

Mas também possui desbloqueio facial ótico, que também funciona na maioria das vezes, a menos que estejas em completa escuridão.

Desempenho

Sob os painéis do ROG Phone 8 Pro Edition está um Qualcomm Snapdragon 8 Gen 3 – um chipset de 4 nm que apresenta um processador octa-core com clock de até 3,3 GHz e uma GPU Adreno 750.

A unidade que testei, conta com 24 GB de memória LPDDR5X e 1 TB de armazenamento UFS 4.0, sem armazenamento expansível.

No que diz respeito a jogos, o ROG Phone 8 Pro Edition lidou com os jogos mais exigentes com facilidade, como Diablo Immortal, Honkai Star Rail, Genshin Impact e COD Mobile, todos com um bom desempenho

Ventoinha externa AeroActive Cooler X

Como mencionado, o AeroActive Cooler X vem na caixa com o Asus ROG Phone 8 Pro Edition. Não pude atestar a diferença de temperatura que a ventoinha externa faz no mundo real, mas ao jogar com ela ligada, o telemóvel manteve-se fresco ao toque e o desempenho foi excelente. A AeroActive Cooler X é bastante “plástica” e não combina exatamente com a construção topo de gama do telefone, mas aprecio a sua leveza.

A ventoinha é ligada à porta USB-C lateral (para que possa consumir energia) e, em seguida, o suporte superior é fixado à volta do outro lado do telemóvel. Quando pressionado com firmeza, o suporte superior encaixa no lugar e tem um botão para duplicar o botão de alimentação, uma vez que o suporte o cobre. A parte inferior do AeroActive Cooler X inclui a sua própria porta USB-C e uma entrada para auscultadores de 3,5 mm. Há também um suporte rebatível; pode ser ajustado para apenas um ângulo, mas é uma boa funcionalidade a incluir. Para remover o cooler, basta premir um botão no suporte superior que liberta a pega.

Camaras

O ROG Phone 8 Pro Edition possui agora uma câmara principal Sony IMX890 (f/1.7) de 50MP com Gimbal OIS e funciona como uma distância focal de 35mm.

Acompanhada de uma ultrawide de 13MP (f/2.2), e um novo sensor telefoto dedicado de 32MP (f/2.4), que nos faltava no ano passado.

Quer estejas a capturar paisagens detalhadas ou a fazer zoom para uma fotografia durante um jogo ao vivo, os utilizadores podem ter a certeza de que o sistema de câmara do ROG Phone 8 Pro Edition melhorou definitivamente este ano.

Embora o desempenho em condições de pouca luz seja um pouco mais difícil para o smartphone. No entanto, consegue manter-se firme com o Modo noturno, que faz um bom trabalho ao iluminar uma imagem com uma preservação de detalhes mais do que suficiente. Já as fotografias de retrato podem ser um pouco imprevisíveis, dependendo dos objetos a focar.

No que toca a vídeos, o ROG Phone 8 Pro Edition pode gravar alguns vídeos muito úteis, especialmente para as redes sociais. Com uma resolução de gravação de 8K a 24 fps, 4K a 30 ou 60 fps, e o mesmo para FHD e HD.

A adição da estabilização HyperSteady leva a gravação de vídeo portátil a outro nível, apenas acessível a uma resolução FHD máxima de até 60 fps, a estabilização é soberba, o utilizador terá de lidar com um corte ao utilizar esta funcionalidade também.

Nas resoluções 8K e 4K, continuamos a ter acesso à estabilização adaptativa, que faz um trabalho decente, com menos cortes.

No geral, o sistema de câmara do ROG Phone 8 Pro Edition é uma grande melhoria em relação ao seu antecessor e, com as fantásticas funcionalidades de estabilização a bordo, nem sequer precisa de um gimbal para fazer panorâmicas e inclinações suaves!

Bateria e conetividade

A alimentar o ROG Phone 8 Pro Edition, está uma bateria de 5.500 mAh mais pequena do que no ano passado (o que, se pensarmos bem, provavelmente desempenhou um papel importante na redução da espessura do telemóvel).

Continuamos a ter velocidades de carregamento com fios de 65W, com compatibilidade com os protocolos Qualcomm Quick Charge. E o mesmo carregamento inverso com fios de 10W.

A novidade é a adição do carregamento sem fios Qi de 15 W, que acredito ser a ASUS a duplicar a sua oferta a um público mais vasto.

Será que se trata de uma funcionalidade para jogos? De certeza que não. É uma funcionalidade de “conveniência”, se precisares de pedir emprestado um carregador MagSafe numa emergência.

Carregar o telemóvel demora cerca de 40 minutos com o carregador incluído, e é importante referir que deixar o dispositivo no modo X gasta mais bateria do que se pensa quando está em standby. Por isso, em geral, para obteres a melhor duração da bateria, deixa o dispositivo no modo Ultra durável.

Mas o modo Dinâmico funciona se preferires não mexer na Armoury Crate.

Conclusão

O Asus ROG Phone 8 Pro Edition é um telemóvel elegante com um excelente desempenho para jogos. Consegue lidar com as tarefas mais exigentes graças à sua tecnologia de arrefecimento avançada e à ventoinha incluída. Apesar de ser, em primeiro lugar, um telemóvel para jogos, é também um excelente telemóvel versátil graças ao seu design convencional, câmaras sólidas, bom desempenho sem fios, altifalantes e construção de alta qualidade. É fácil de recomendar aos jogadores de Android que querem o melhor telemóvel que o dinheiro pode comprar, mas é bastante caro, custando €1549.00 euros.

9.5

Nota final

Pros
  • Desempenho
  • Bateria
  • Camaras
  • AeroActive Cooler X Incluído (Apenas na versão Pro Edition)
Cons
  • Preço
Sobre o autor

Fernando Costa

O Fernando é o diretor do InforGames. O seu primeiro computador foi o ZX Spectrum, e foi aqui que começou a interessar-se pelo mundo dos videojogos. Apesar de já ter jogado em várias plataformas, o PC continua a ser a sua plataforma de eleição. No que diz respeito a jogos, gosta de estratégia, corridas e luta.

O teu email não será publicado. Os campos de preenchimento obrigatório estão assinalados*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.