Liquidation lança campanha Kickstarter a 10 de junho

7 visualizações
0

A Grindstone e a Divio anunciaram que o jogo tático RTS Liquidation contará com uma campanha no Kickstarter a 10 de junho. O jogo chegará ao PC via Steam no outono e a campanha Kickstarter será o primeiro passo de uma jornada emocionante para o jogo.

A campanha Kickstarter será fundamental para envolver os fãs e construir uma comunidade ativa para apoiar a próxima fase deste projeto emocionante. Mais informações sobre a campanha Kickstarter podem ser encontradas na página oficial aqui

Liquidation é um jogo RTS tático no qual o jogador assume o papel de um comandante de uma facção com a tarefa de esmagar outras facções insurgentes e reivindicar a sua posição como governante do mundo devastado pela guerra de Veá. O universo de Liquidation combina elementos de fantasia e ficção científica para oferecer uma nova perspetiva no género com suporte para os modos single-player e multiplayer. O jogo também apresenta construção de base, gestão de recursos, combates emocionantes e divindades poderosas que podem conceder ao jogador habilidades poderosas. . . apenas se o jogador os agradar, é claro.

Liquidation oferecerá 4 facções distintas, cada uma com sua própria campanha. Lidera a cruzada fanática e zelosa, decidida a exterminar tudo o que for desumano ou guia a Aliança reptiliana tecnologicamente avançada na luta desesperada pela sobrevivência. Invoca as infindáveis ​​Legiões de demónios invasores e decifra as ordens do seu misterioso mestre ou, se estiveres a sentir-te realmente mal, podes assumir o comando de todas as abominações da Corrupção que o consomem.

Sobre o autor

Fernando Costa

É o fundador da InforGames. Começou a ter interesse pelos videojogos através do Spectrum +2 128k. Gosta de jogos de Estratégia, Corridas e Luta. Apesar de já ter jogado em várias consolas, o PC continua a ser a sua plataforma de eleição!

O teu endereço de email não será revelado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.