Regresso ao Futuro, agora em LEGO

18 visualizações
0

Para encorajar os fãs a dar arranque ao motor feito de peças de construção, o Grupo LEGO e a Universal Brand Development anunciaram uma reprodução três em um, novinha em folha, de um dos veículos do cinema mais emblemáticos de sempre — a LEGO Máquina do Tempo de Regresso ao Futuro.

Inspirado no modelo DeLorean usado na aventura de viagens no tempo da Universal Pictures e da Amblin Entertainment, o set LEGO Máquina do Tempo de Regresso ao Futuro permite aos construtores montar o carro do primeiro, do segundo ou do terceiro filme. E o que ainda é melhor, traz tudo: condensador de fluxo iluminado, caixa de plutónio, o hoverboard de Marty e as minifiguras LEGO de Doc Brown e Marty McFly.

Para comemorar este lançamento, o Grupo LEGO dá a Doc e Marty mais uma missão, na nova curta-metragem de animação Brick to the Future. Com estreia, hoje, em LEGO.com/bttf, esta aventura mostra-nos o corajoso duo de minifiguras numa corrida pelo tempo para tentarem recuperar o condensador de fluxo perdido.

Além disso, o Grupo LEGO foi ao sítio em que tudo começou — o famoso backlot dos Estúdios da Universal de Hollywood, onde foi filmado Regresso ao Futuro — para captar os três modelos LEGO juntamente com a Máquina do Tempo DeLorean original, tal qual a vemos nos filmes.

Para provar que com determinação podemos alcançar qualquer coisa, os nossos construtores de peças terão de escolher que Máquina do Tempo de Regresso ao Futuro querem começar por montar — isto porque cada construção requer elementos do conjunto inteiro.

Entre os pormenores da trilogia fielmente recriados, encontramos as rodas, que se dobram para o modo de voo, o famoso condensador de fluxo iluminado, as datas impressas no tabliê, as portas e o capô, que se abrem como asas, e muitas mais surpresas, como o hoverboard do Marty e as chapas de matrícula permutáveis. O conjunto traz até uma banana e uma lata de conserva para alimentar o aparelho Mr. Fusion, tal como aparece no veículo no fim do primeiro filme.

Sven Franic, LEGO Set Designer, comentou: “Desde 1985, o ano da estreia, que Regresso ao Futuro se mantém como filme de culto e um dos preferidos de gerações de fãs em todo o mundo — em que eu próprio me incluo. Diverti-me tanto a reviver os meus momentos favoritos dos três filmes nesta entusiasmante e nostálgica aventura de design.”

“A conhecida intemporalidade das peças LEGO e a franchise Regresso ao Futuro é algo que queríamos muito incluir neste set, pelo que esperamos que os fãs se divirtam a viajar no tempo ao melhor estilo LEGO.”

O novo set LEGO Máquina do Tempo de Regresso ao Futuro está disponível ao PVP recomendado de 169,99 €, nas lojas LEGO e em LEGO.com/bttf, a 1 de abril de 2022.

 

INFORMAÇÕES DE PRODUTO ADICIONAIS: LEGO® MÁQUINA DO TEMPO DE REGRESSO AO FUTURO (10300)

  • Idade — 18+
  • Cada modelo mede:
    • Altura: mais de 11 cm
    • Largura: 35,5 cm
    • Profundidade: 19 cm
  • 1872 peças
  • Inclui três opções de construção distintas: escolha o carro dos filmes do Regresso ao Futuro que quer construir em primeiro lugar; para criar as outras versões, deverá reconstruí-lo (as três versões não podem ser montadas em simultâneo com um único set)
  • Entre os pormenores da trilogia fielmente recriados, encontramos: as rodas, que se dobram para o modo de voo, o famoso condensador de fluxo iluminado, as datas impressas no tabliê, o capô e as portas, que se abrem como asas, e muitas mais surpresas, como o hoverboard do Marty e as chapas de matrícula permutáveis
  • Inclui para-brisas e elemento de construção para a frente do DeLorean, novidade LEGO
  • O set inclui as minifiguras de Doc Brown e Marty McFly
  • Preço: 169,99€
Sobre o autor

Fernando Costa

É o fundador da InforGames. Começou a ter interesse pelos videojogos através do Spectrum +2 128k. Gosta de jogos de Estratégia, Corridas e Luta. Apesar de já ter jogado em várias consolas, o PC continua a ser a sua plataforma de eleição!

O teu endereço de email não será revelado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.