TikTok olha para o futuro e estabelece as principais tendências para 2023

TikTok olha para o futuro e estabelece as principais tendências para 2023

3 visualizações
0

O ano 2023 já começou e o TikTok continua de olhos postos no futuro. A terceira edição do What’s Next Report, o relatório anual que traça as tendências futuras, pretende ajudar os marketeers a compreender como os desejos e necessidades dos consumidores vão mudar neste ano de 2023. E, também, de que forma vão afetar os negócios. Este estudo feito pelo TikTok, antecipa três grandes tendências para o ano: o entretenimento será cada vez mais personalizado; as pessoas procuram, cada vez mais, momentos de alegria e descontração para melhorar o seu bem-estar; e o papel da comunidade tornar-se-á cada vez mais relevante como impulsionador da mudança na vida das pessoas.

 

ENTRETENIMENTO PARA PARTILHA

Na plataforma, o conteúdo é selecionado com base no que as pessoas consideram divertido e capaz de captar a sua atenção e confiança. Globalmente, em média, 67% dos utilizadores dizem navegar na plataforma durante as suas pausas para relaxarem. Para as marcas, as mensagens mais eficazes no TikTok têm de ser estimulantes, divertidas, personalizadas, de forma a serem capazes de entreter a comunidade. O relatório de 2023 mostra que, 4 em cada 5 utilizadores diz que o TikTok é extremamente divertido e que 92% afirmam já terem sentido uma emoção positiva ao visualizarem um conteúdo, que acabou por resultar numa ação fora da plataforma.  O TikTok tem, assim, mostrado que estimular a interação e a partilha de ideias é fundamental e tem também um impacto positivo nos negócios.

A autenticidade é uma das principais caraterísticas da plataforma e um dos motivos que leva os utilizadores a adorarem-na. Com muitos criadores de conteúdos que ajudam à desmistificação de mitos, o TikTok é um fonte credível para a comunidade – tanto para criadores de conteúdo como seguidores – , fomentando assim a confiança na plataforma. Os criadores de conteúdos desempenham assim um papel fundamental no TikTok, assim como também nas estratégias das marcas, pela sua capacidade de influenciar fortemente os seus seguidores.

Segundo o relatório para 2023, 65% dos utilizadores do TikTok dizem confiar sempre nas opiniões e recomendações dos criadores para decidir o que comprar online.

 

DAR ESPAÇO À ALEGRIA

Apesar de existirem cada vez mais incentivos a que cada pessoa cuide do seu bem-estar físico e mental, há também muitas pessoas a passar por situações de burnout. Por isso, existe uma procura crescente por momentos em que possam dedicar e focar-se em si próprias, fazendo frente aos problemas e dificuldades pessoais e profissionais, assim como também ao contexto instável que atravessamos. Há uma crescente valorização dos momentos de felicidade e diversão e, neste aspeto, o TikTok tem-se mostrado o aliado perfeito.

A alegria é uma das principais características que distingue os vídeos no TikTok. A plataforma tem tido um papel preponderante como resposta à procura por momentos de descontração e divertimento, permitindo aos utilizadores escolher os conteúdos que efetivamente querem ver. No estudo, metade dos inquiridos considera que o TikTok melhora o humor e fá-los sentir mais felizes e positivos. Além disso, 41% dos utilizadores dizem que os conteúdos que ‘elevam o espírito’ são essenciais para os levar a fazer uma compra.

 

A COMUNIDADE COMO FONTE DE PARTILHA

As comunidades no TikTok são únicas e distribuídas por temas, o que é outro aspeto que distingue a plataforma de todas as outras e permite que as marcas cresçam.

O TikTok não é uma única reunião. É uma plataforma com pequenos clubes onde as pessoas podem encontrar novas ideias sobre como explorar as suas paixões e viver as suas vidas. De facto, no TikTok há1,8 vezes mais probabilidades de introduzir novos tópicos as pessoas que não sabiam que iam gostar. E à medida que as pessoas procuram formas de quebrar o status quo, procurarão pares e modelos que demonstrem a confiança para viver a vida da forma que quiserem.

O conteúdo da plataforma é tão reconhecível e acessível que as pessoas são frequentemente motivadas a replicá-lo; a partilha de valores é também muito elevada, o que inspira os utilizadores. Após a visualização do conteúdo do criador, mais de 2 em cada 5 utilizadores reconhecem que os vídeos os fizeram sentir-se parte de uma comunidade de criadores.

Para se ligarem aos utilizadores, as marcas devem explorar nichos e não ter medo de se tornarem específicas. Quando uma marca percebe quais os seus grupos-chave, pode fomentar e aumentar as conversas honestas e autênticas que interessam às pessoas.

Sobre o autor

Fernando Costa

É o fundador da InforGames. Começou a ter interesse pelos videojogos através do Spectrum +2 128k. Gosta de jogos de Estratégia, Corridas e Luta. Apesar de já ter jogado em várias consolas, o PC continua a ser a sua plataforma de eleição!

O teu endereço de email não será revelado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.