FI Group Portugal desenvolve unidade de negócio dedicada à Sustentabilidade

FI Group Portugal desenvolve unidade de negócio dedicada à Sustentabilidade

11 Visualizações
0

A FI Group Portugal vai criar uma nova unidade de negócio que se vai dedicar exclusivamente à gestão e promoção da sustentabilidade em Portugal.

A unidade de sustentabilidade da FI Group Portugal vai apoiar projetos e investimentos responsáveis, onde a sustentabilidade assume um papel central no planeamento estratégico das empresas. Esta nova unidade de negócio vai arrancar em janeiro de 2024, dando continuidade a um trabalho que a consultora já promove em Espanha e França.

Esta nova equipa vai ser responsável por gerir o risco nas cadeias de valor, promover uma economia hipocarbónica, garantir a proteção da biodiversidade e integração da economia de base natural, a economia circular dos processos e produtos e fortalecer a economia social. Numa altura em que é cada vez mais urgente dar resposta aos problemas ambientais e assumir um compromisso sério com objetivos sustentáveis, esta nova aposta da FI Group pretende combater a falta de conhecimento e de recursos que têm travado uma maior aposta na área da sustentabilidade em Portugal.

Por este motivo, o novo serviço da consultora especializada em Inovação procura ajudar PMEs portuguesas no que concerne ao alinhamento, conhecimento e incorporação das prioridades em matéria de sustentabilidade, através da avaliação das ações que cada empresa pode colocar em prática e da implementação de estratégias e visões sustentáveis nas suas estruturas de negócio.

Para Paulo Reis, Diretor-Geral da FI Group Portugal, esta ação vai permitir uma “integração da sustentabilidade no centro da estratégia empresarial, o que abre a porta a um impacto cada vez mais efetivo nos consumidores e nas estruturas governamentais. Sabemos que há uma necessidade crescente para que as empresas apresentem soluções e implementem estratégias de negócio mais sustentáveis, e queremos ter um contributo positivo para esta missão – queremos ser agentes de mudança positiva”.

O cumprimento do Acordo de Paris sobre o clima e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 das Nações Unidas, assim como o aprofundamento do Pacto Ecológico Europeu (2019), tornam possível a transição para um modelo de desenvolvimento sustentável. O ESG está sob o guarda-chuva da sustentabilidade, produzindo informações e evidências que revelam, comprovam e justificam a necessidade de implementação de estratégias de negócio sustentáveis.

Paulo Reis, Diretor-Geral da FI Group Portugal, considera que “Ignorar esta realidade põe em causa a competitividade das empresas e prejudica o seu crescimento. Acreditamos que esta aposta reconhece a importância de mudar o paradigma e a parceria com as organizações, promovendo atividades e negócios que respeitem os limites planetários, com uma abordagem holística e colaborativa, em prol de uma economia de base natural, hipocarbónica, justa e inclusiva”.

 

Sobre o autor

Fernando Costa

O Fernando é o diretor do InforGames. O seu primeiro computador foi o ZX Spectrum, e foi aqui que começou a interessar-se pelo mundo dos videojogos. Apesar de já ter jogado em várias plataformas, o PC continua a ser a sua plataforma de eleição. No que diz respeito a jogos, gosta de estratégia, corridas e luta.

O teu email não será publicado. Os campos de preenchimento obrigatório estão assinalados*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.